24/05 - Contabilidade na TV


A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) subiu 0,05 ponto percentual, ao passar de 0,3% para 0,35% entre a semana encerrada em 15 de maio e a encerrada no último dia 22.

A informação foi divulgada hoje (24), pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV) que atribui a alta à elevação de preços em cinco das sete capitais do país em que é feita na pesquisa.

A maior alta entre as capitais foi registrada no Recife, cuja elevação de preços foi de 0,84%, seguida por Porto Alegre (0,5%) e Rio de Janeiro (0,38%).

A menor variação, abaixo da média, foi em Salvador, onde os preços ficaram praticamente estáveis, em 0,02%. Em seguida vem Brasília, com alta de 0,7%, e Belo Horizonte com 0,2%. Em São Paulo a alta foi igual ao índice geral, de 0,35%.

Menores inflações
A estabilidade registrada em Salvador refletiu inflação negativa de preços de quatro dos oito grupos que compõem o indicador, com destaque para alimentação, cuja deflação em relação à semana anterior foi de -0,59%; vestuário (-1,02%); e transporte, que fechou com variação negativa de 1,06%.

Em Brasília, houve inflação negativa em três dos oito grupos: educação, leitura e recreação (-1,11%); vestuário (-0,76%); e transporte (-0,64%). Os preços dos alimentos, que subiram apenas 0,01%, também influenciaram a estabilidade.

Edição: Lidia Neves

Por Nielmar de Oliveira - Repórter da Agência Brasil

Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!

0 comentários:

Postar um comentário