03/05 - Contabilidade na TV

Os profissionais de contabilidade que exercem papel central no desenvolvimento socioeconômico do País e são elementos essenciais na gestão das empresas estão aptos também a realizar trabalhos como peritos contábeis e auditores. De acordo com o cadastro do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), existem cerca de 6,5 mil, entre os 530 mil profissionais de contabilidade do País, que atuam nessas duas modalidades.

Para obter seu registro, os profissionais precisam passar por exames de qualificação técnica e, depois de aprovados, têm de se manter atualizados por meio do Programa de Educação Profissional Continuada. Até este ano, para fazer parte do Cadastro Nacional de Peritos Contábeis (CNPC), os profissionais podem escolher entre duas opções: comprovação de realização de perícia, conforme estabelece a Resolução do CFC nº 1.502/16, ou exame de qualificação técnica.

No entanto, a vice-presidência de Registro do CFC informa que, a partir de 2018, a única forma de fazer parte do CNPC será por meio da prova de conhecimentos técnicos. Já para o Cadastro Nacional de Auditores Independentes (CNAI) a única forma de ingressar é por meio do exame de qualificação técnica específico.

“Ser auditor e perito é prerrogativa de qualquer contador, por isso, nós temos os cadastros para auxiliar a sociedade em suas consultas públicas sobre os profissionais. Estar cadastrado no CFC significa que o profissional cumpriu os requisitos de qualificação técnica exigidos no programa de educação continuada”, alerta o vice-presidente de Registro do CFC, Marco Aurélio de Almeida.

A consulta dos cadastros de peritos, auditores independentes, assim como dos profissionais de contabilidade, é pública e está disponível na página do CFC na internet.

Por: Joana Wightman / RP1 Comunicação / Portal CFC


Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!

0 comentários:

Postar um comentário