14/06 - Rodrigo Ghedin / Gazeta do Povo


No último sábado, de acordo com a Veja, 17 pessoas foram presas em flagrante pela Polícia Federal, em São Paulo, quando tentavam usar dados de terceiros para sacar as contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A Gazeta do Povo teve acesso a um dos e-mails usados como isca (phishing scams, na terminologia técnica) que quadrilhas como essa usam para capturar dados de beneficiários inocentes.

Se a técnica phishing scam não é nova, tampouco cai em desuso. Resumidamente, ela replica o visual de um site oficial, alterando alguns parâmetros para que os dados inseridos ali sejam enviados para o criador da página, e não a instituição ou empresa oficial.

No e-mail recebido que chegou à redação, o assunto é “FGTS - Vefirique e Atualize seu Saldo”. No corpo, há um “número de controle” e menção ao e-mail do “prezado cliente”. Em seguida, a mensagem traz um passo a passo, em quatro etapas, para que a vítima atualize sua conta inativa a fim de ter acesso ao saldo.


Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!

0 comentários:

Postar um comentário