28/06 – Contabilidade na TV


No dia 23 o Sescon Blumenau e a Fecomércio, em parceria com entidades, realizaram a palestra “Concorrência Leal 3: Cruzamento de informação e legalidade na era digital”, com o presidente do Sindcont e diretor da Fecontesc, Itelvino Schinaider. “Contadores e empresários precisam compreender a importância desse processo e buscar mecanismos para atendê-las”, afirma o presidente do Sescon Blumenau, Jefferson Pitz, ao reforçar a necessidade de capacitações do gênero.

No evento estavam presentes cerca de 150 contadores e empresários, que foram atualizados sobre as novas regras da operação Concorrência Leal, a qual pretende fiscalizar 26,1 mil contribuintes. Para o palestrante Itelvino Schinaider, o cuidado maior está no cruzamento das informações de todas as operações de 2013 até 2016 em um único processo. “Qualquer divergência que aparecer, o empresário junto com seu contador deve verificar as inconsistência encontradas pelo Estado e solucioná-las o mais rápido possível”.

Segundo o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt, é preciso suspender a informalidade fiscal em Santa Catarina “A Federação vem trabalhando junto à Sefaz e à classe contábil desde a primeira edição da operação, em 2012. Os profissionais da contabilidade têm um papel-chave na orientação dos clientes sobre as informações exigidas. Precisamos divulgar as boas práticas para qualificar a gestão das empresas catarinenses, em sua maioria contribuintes no Simples Nacional. A sonegação tem reflexo negativo em uma das nossas principais bandeiras: a redução da carga tributária” pondera Breithaupt.

O evento, que está programado para acontecer também em outras cidades do estado, é uma ação conjunta da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina – Fecomércio, a Federação dos Contabilistas do Estado de Santa Catarina – Fecontesc, o Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina – CRCSC e o Sindicado das Empresas de Serviços Contábeis de Santa Catarina – Sescon, da Grande Florianópolis e de Blumenau.

Sobre a Operação Concorrência Leal 3
A Operação Concorrência Leal 3 abrangerá os ano-calendários de 2013 a 2016. A operação processa em sua malha mais de 190 mil empresas optantes pelo Simples Nacional. Para as 26 mil empresas selecionadas nesta fase da operação, serão solicitadas as demonstrações contábeis. Prevista para ser lançada ainda no mês de junho, a terceira edição da operação Concorrência Leal, realizada pela Secretaria de Estado da Fazenda, pretende fiscalizar 26,1 mil contribuintes em Santa Catarina.

O fisco estadual encaminhará aos contadores comunicados demonstrando as inconsistências ou divergências para a retificação de possíveis erros e pendências. São levados em conta dados do SPED Fiscal e do Sistema Eletrônico de Cálculo (PGDAS-D), Declaração Única e Simplificada de Informações Socioeconômicas e fiscais (DEFIS) com dados de compras efetuadas pelo Governo do Estado e pelas prefeituras catarinenses, além do Demonstrativo de Créditos Informados Previamente (DCIP), da Nota Fiscal Eletrônica (NFE) e das empresas de cartão de crédito e débito.

Sescon Blumenau
O Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas de Blumenau e Região – Sescon Blumenau faz parte do Sistema Fenacon Sescap/Sescon (Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas). A entidade tem se consolidado como legítima liderança na representação do setor de serviços, atuando diretamente no combate à alta carga tributária e na diminuição da burocracia, além de lutar por políticas públicas que garantam mais desenvolvimento às empresas brasileiras, sobretudo as micro e pequenas.

Por Presse Comunicação Empresarial LTDA

Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!

0 comentários:

Postar um comentário